Arquivo | Assessoria de Imprensa RSS feed for this section

O IMPACTO DA LEGALIZAÇÃO DAS DROGAS É TEMA DE PALESTRA DE CONSELHEIRO DE OBAMA

12 ago

Link para a palaestra do Kevin Sabet – que pertence a equipe de Obama para a área da dependência Quimica.

http://spdmeducacao.com/imprensa/noticias/item/997-o-impacto-da-legalização-das-drogas-é-tema-de-palestra-de-conselheiro-de-obama
Grata

Maria Aparecida Trindade Furtado
Conselho Estadual de Políticas Sobre Drogas-CONED
Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania
Rua Antônio de Godoy, 122 – 5º – sala 56 – Santa Ifigênia – 01034-000 – SP
E-mail: mariaaparecidafurtado@sp.gov.br Tel.: (11) 3107 0202 – 3105 3669

Anúncios

Sou Adicto?!

18 jul

Sou Adicto?!.

Tabagismo mata cerca de 350 pessoas por dia em nosso país.

24 ago

O cigarro é um dos produtos de consumo mais lucrativos no mundo. Os fabricantes ostentam uma clientela fiel e leal. O único problema é que seus melhores clientes morrem um a um. São também os únicos produtos legais que causam dependência a maioria dos consumidores e muitas vezes, o matam. Porém, a venda acarreta grandes lucros para a indústria do tabaco, mas enormes prejuízos para os consumidores. Continue lendo

1º. Levantamento Municipal sobre Drogas

6 ago

Imagem(Assessoria de Imprensa 06/08/12)

Começaram o planejamento para o 1 Levantamento Municipal sobre Drogas, no qual consistirá cruzar informações dos diversos âmbitos: Hospitais, Comunidade terapêutica, Polícia Civil e Militar, Delegacia da Mulher, Dise entre outros órgãos públicos, para formar uma estatística sobre drogas no município de Avaré.

A ideia da ação é ter um número aproximado dos casos que estão relacionados, violência com drogas, acidentes com drogas, crimes com drogas, doentes com drogas e mortes com drogas.

Com o mapeamento dos grupos de risco, dos pontos críticos e diante dos números, será melhor a execução das ações de cidadania e prevenção, com direcionamento no foco do problema, criando a diminuição do impacto negativo das drogas na sociedade avareense.

O 1 Levantamento Municipal sobre Drogas, está previsto parapublicação no 1 semestre de 2014, conforme a Executiva do Conselho Municipal de Políticas Antidrogas de Avaré.

Alem da pesquisa, fazem parte do PROMAD outras ações como Curso de Agentes Multiplicadores, Palestras Antidrogas entre outras Ações.

 

Elaboração do Fundo Municipal Antidrogas

29 jul

Hoje, após reunião com o contador Jaime, servidor municipal, o Presidente do Conselho Cleber Antonello, sai com boas expectativas para a criação do fundo antidrogas de Avaré.

A ideia central da reunião é conseguir dotação para executar 3 bons eventos antidrogas em 2014 e progressivamente nos próximos anos.

Esse é outro marco, para as conquistas de políticas públicas de desenvolvimento social, direitos humanos e políticas antidrogas.

Assessoria de imprensa Comad Avaré

DIA 5 DE JULHO DECRETO DA NOVA DIRETORIA 2013/15 COMAD-AVARÉ.

16 jul

Paulo Dias Novaes Filho, prefeito da Estância Turística de Avaré, decreta, nos termos da Lei Municipal 1.301/09, a organização do COMAD:

PRESIDENTE: CLEBER ANTONELLO;

V.PRESIDENTE: PABLO A. K PERRONE;

TESOUREIRO: LEVI DE CARVALHO;

SECRETÁRIO: JOÃO CARLOS BACKR FONSECA;

Revogando o decreto anterior, destituindo a antiga diretoria.

Imagem

Prefeitura de Avaré explica o que é o COMAD.

16 jul

Prefeitura de Avaré explica o que é o COMAD.

Seleção de Projetos de Fortalecimento do Protagonismo de Usuários e Familiares da RAPS

4 jul

Ministério da Saúde divulga lançamento da II Chamada de Seleção de Projetos de Fortalecimento do Protagonismo de Usuários e Familiares da RAPS

A II Chamada de Seleção de Fortalecimento do Protagonismo de Usuários e Familiares da RAPS, foi construída em parceria com a Política Nacional de Humanização e com a Coordenação Geral de Apoio à Educação Popular e Mobilização na Saúde, tem como objetivo apoiar ações de fortalecimento do protagonismo de usuários e familiares que garantam o exercício de direitos de cidadania e a produção de novas possibilidades para projetos de vida, com a participação efetiva de usuários e familiares da RAPS. O valor global da chamada é de R$1.500.000,00, distribuído nos valores de R$15.000,00; R$30.000,00 e R$50.000,00, de acordo com as linhas de ação escolhidas e o número de usuários e familiares inseridos nos projetos. O incentivo será repassado em parcela única ao Fundo Municipal/Estadual de Saúde.

Para saber mais sobre a II Chamada de Seleção de Projetos de Reabilitação Psicossocial acesse aqui.

 

Acesse o link do edital abaixo:

ii_chamada_forta[1]

Fonte: Coned / C:\Users\cleber\AppData\Local\Temp\Temp1_editalsaudemental.zip\- Portal da Saúde – www_Saude_gov_br – Saúde Mental.mht

 

Programa Crack é Possível Vencer!

1 jul

Cartilha Crack é Possivel Vencer

No link , encontraremos a cartilha explicativa contendo todo o programa.Crack é possível vencer

Enfrentar o crack é compromisso de todos. O governo federal lançou o programa Crack, é Possível Vencer para trabalhar em parceria com estados, municípios e a sociedade em três eixos: prevenção, cuidado e segurança. No total,  estão previstos R$ 4 bilhões em recursos federais até 2014 que serão investidos em ações de orientação da população, capacitação de profissionais, aumento da oferta de tratamento e atenção aos usuários, além do enfrentamento ao tráfico de drogas.

Cigarro e outras drogas “acabam” com os dentes.

27 jun

Antes de acender um cigarro, as pessoas deveriam levar em conta o que o fumo faz com o sorriso e com a saúde bucal de modo geral. O cigarro provoca manchas nos dentes e na língua, reduz a sensibilidade do paladar, diminui a capacidade de recuperação após uma cirurgia ou qualquer outro procedimento odontológico, aumenta o risco de doenças da gengiva, de perder os dentes e – mais grave ainda – aumenta o risco de câncer de boca.

A associação entre cigarro e álcool, inclusive, aumenta em trinta vezes o risco de desenvolver esse tipo de câncer. Apesar de todas as campanhas de combate ao fumo, no Brasil há cerca de 30 milhões de fumantes.

De acordo com o doutor Wagner Seroli, estomatologista da Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas (APCD), além do cigarro, outras drogas podem causar sérios prejuízos à saúde bucal – lícitas ou ilícitas. Estimativas sugerem que 40% das pessoas ingerem ao menos um tipo de medicamento diariamente, podendo resultar no enfraquecimento e até mesmo na perda dos dentes.

“O consumo de drogas ilícitas, bem como de alguns medicamentos de uso controlado, costuma reduzir a produção de saliva, gerando uma condição designada como “boca seca”. Como uma das funções da saliva é controlar a população de bactérias na boca, isso é muito prejudicial aos dentes. Sem essa proteção, aumentam as chances de a pessoa desenvolver mais cáries, inflamações e infecções na gengiva, sem mencionar o impacto negativo no estado geral de saúde do paciente”, diz Seroli.

Continue lendo

%d blogueiros gostam disto: